A SERPENTES DO BOICOARA

No Boicoara, bairro de Iguape localizado na extensão da Estrada Biguá-Iguape, existia outrora grande cachoeira, cujas águas eram canalizadas para o consumo da cidade. Reza a lenda que ali existiram duas gigantescas serpentes que, de tempo em tempo, saíam de sua toca, arrastando consigo crianças, animais e destruindo casas e plantações. Certa ocasião, lavradores encorajados se uniram e infiltraram-se na floresta fechada para capturar e dar cabo dos répteis. Armados de possantes peças de pau e ferro, conseguiram, com muita luta, matar uma das terríveis serpentes. A outra, ao ver a companheira morta, fugiu voando para os sertões impenetráveis do Ribeira. Os destemidos lavradores, desejando completar o trabalho, embrenharam-se mais adentro, ao encalço da serpente, indo encontrá-la ao se ocultar num buraco, que, cuidadosamente, tamparam. A tradição chamou o lugar de Boycoara (“buraco de cobra”). Até hoje há quem afirme que a serpente ainda está viva e que um dia aparecerá para vingar a morte da companheira…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *