Adolescentes da Ilha têm aulas de pinhole

Ilha Comprida- Não dá para esconder a emoção quando se revela a primeira foto feita com uma lata com pequenos furos. É por isso que a oficina de fotografia, que começou na quinta 25/08 e trabalha a técnica pinhole (que transforma latas e recipientes vedados em câmeras fotográficas) desperta enorme curiosidade nos 60 adolescentes que integram os programas sociais Pró-Jovem e Ação Jovem.

O professor e artista plástico Fernando Caixeta explica que a oficina é a continuidade da Oficina de Pintura e Artes ministrada durante o

primeiro semestre. “ Começaram com desenhos, pintura, a confecção de máscaras no grafiti e as noções de positivo e negativo. Agora,vamos trabalhar conceitos de fotografia”. Nesta nova oficina, Fernando integra o analógico e o digital para que os aprendizes saibam todo o processo fotográfico. Fernando pretende criar um portfólio de cada aprendiz e realizar uma exposição desse trabalho no final do ano. As aulas da oficina acontecem às quintas-feiras , no espaço jovem.


Fonte: Depto. de Comunicação PMIC.