Prefeito Décio Ventura assina ordem de serviço para a construção do Catamaran que iniciará o roteiro náutico São Paulo/Paraná

catamaranRoteiro inédito representa a grande novidade do turismo no Estado de São Paulo

Ilha Comprida- O prefeito Décio Ventura assinou na quinta-feira 13/02 ordem de serviço com a empresa BB Construção de Barcos, de Santa Catarina, para a construção da primeira embarcação Catamaran  que irá operacionalizar o roteiro náutico Lagamar (SP) /Paranaguá (PR). Adaptada exclusivamente para oferecer o maior conforto possível aos passageiros, a embarcação tem dezoito metros de comprimento, ar condicionado, poltronas, TV de plasma, serviço de bar, som ambiente e espaços exclusivos para observação da paisagem.  A empresa deverá entregar o catamaran no prazo de 120 dias.

Antigo sonho do prefeito Décio Ventura, o Roteiro Náutico com embarcação de alto padrão representa a colocação no mercado de um produto turístico inédito e diferenciado no Vale do Ribeira. Orçado em R$ 2.4 milhões, o Catamaran mantém a velocidade média de 25 km e tem capacidade para 80 passageiros. De acordo com o prefeito, a operacionalização será terceirizada.

Quando chegar à Ilha, a catamaran fará viagens experimentais  para se definir roteiros turísticos. “ Além da rota para o litoral do Paraná que revela paisagens maravilhosas, temos também destinos turísticos da Ilha, Iguape, Cananéia e, de acordo com a viabilidade, a gente tem intenção também de testar a rota fluvial até as cavernas do alto Ribeira”, afirma o prefeito.

Para Ventura, o novo roteiro representa um significativo vetor de desenvolvimento e geração de renda e emprego para as comunidades tradicionais:  “Esse é um roteiro que concentra uma parte importante e conservada da Mata Atlântica, suas unidades de conservação, manguezais, ricos complexos lagunares, além de cultura e história. Trata-se de um conjunto de vetores de desenvolvimento que precisam ser potencializados”.

O proprietário da empresa BB Construção de Barcos,  Raul Machado afirma que trata-se da primeira embarcação turística deste porte no Estado de São Paulo. Segundo ele, o catamaram tem capacidade para 126 passageiros. Porém, para adaptar a embarcação aos padrões de conforto de cruzeiros foram adaptadas poltronas que reduziram o numero de passageiros a 80. “É, com certeza, uma embarcação diferenciada e adaptada para aproveitar ao máximo o roteiro”.

Potencial turístico

O prefeito Décio Ventura citou a localização estratégica do Lagamar como fator de otimismo: “Estamos localizados em meio ao maior conglomerado populacional da América do Sul representado pelas regiões metropolitanas de São Paulo, Curitiba, Santos, Sorocaba e Campinas. São 27 milhões de turistas em potencial, um extraordinário mercado”. Soma-se a isso, o fato de que o Estado  de São Paulo é o responsável pela emissão de quase 60% de passageiros com destino ao turismo nacional e internacional e está entre os primeiros destinos de visitantes estrangeiros.

Comentários estão encerrados