Prefeitura de Iguape contrata novos Agentes Comunitários de Saúde

A Prefeitura Municipal de Iguape contratou mais 24 Agentes Comunitários de Saúde – ACS – para reforçar o atendimento domiciliar em todo o município como parte do PACS – Programa de Agentes Comunitários de Saúde do Ministério da Saúde. A função do ACS é fundamental para a aproximação do profissional e do programas de Saúde pública com a população, atuando como meio de levantamento estatístico e difusor de políticas e programas de saúde diretamente na residência do cidadão.

Desde o dia 7 deste mês os Agentes Comunitários estão passando pelas residências de todos os bairros de Iguape para cadastramento das famílias. Para isso todos foram treinados e passaram por uma semana de capacitação para uma melhor abordagem da população. Ao todo são 75 Agentes divididos em 10 equipes atuando em todo território municipal, abrangendo desde o centro da cidade até a zona rural. As equipes ficaram divididas nas seguintes ordens; Rocio três equipes, Centro duas equipes e uma equipe para cada um dos seguintes bairros: Jairê, Icapara, Barra do Ribeira, Itimirim I e Itimirim II. Para facilitar a locomoção cada um dos 75 Agentes recebeu uma bicicleta e um veículo foi reformado e deixado exclusivamente para atender às demandas do Programa.
 

Por meios de ações individuais ou coletivas, o Agente Comunitário de Saúde realiza atividade de prevenção de doenças e promoção da saúde sob supervisão do gestor local do SUS, no caso o Departamento Municipal de Saúde de Iguape. O Programa de Agentes Comunitários de Saúde é uma importante estratégia do Ministério da Saúde que busca promover a reorientação do modelo assistencial no âmbito do município, a quem compete à prestação da atenção básica à saúde. 
 

Os Agentes Comunitários de Saúde são responsáveis entre outras coisas pelo trabalho de prevenção, acessibilidade e capacidade de sensibilização da população que eles atendem. Eles desenvolvem um trabalho educativo permanente e efetivo junto às famílias que acompanham, identificando problemas de saúde. “A parceria entre o Governo Federal e o Município tem o propósito de aproximar os profissionais e os serviços de saúde da população, do meio ambiente e das relações sociais que se apresentam em determinado bairro ou comunidade. A estratégia é a promoção, proteção, recuperação e principalmente a prevenção de doenças, enfatizando a educação em saúde, visando diminuir o índice de morbidade e mortalidade. Por isso é muito importante a colaboração de todos no sentido de receber esses profissionais em suas casas e dar-lhes todas as informações necessárias, pois é daí que desenvolveremos as ações coletivas e individuais em busca de um atendimento cada vez melhor aos nossos cidadãos”, enfatizou a prefeita Maria Elizabeth Negrão Silva.

Cada equipe do PACS é constituída por um (a) enfermeiro(a) e Agentes Comunitários de Saúde – ACS, que desenvolvem suas ações no bairro ou comunidade, atendendo as famílias , sendo muito importante que os munícipes não criem dificuldade ao acesso dos Agentes. O ACS é o profissional que reside no próprio bairro ou comunidade onde desenvolve suas atividades e conhece as pessoas, a comunidade e a realidade onde vive.

Através do trabalho de visitas domiciliares e reuniões comunitárias realizadas pelos ACS e Enfermeiros é possível obter dados reais para traçar o perfil social, econômico, cultural e epidemiológico da população, para o diagnóstico da situação-saúde do município, visando a intervenção eficaz.