PRF apreende produtos contrabandeados

prf18-15

No dia de 04 de março de 2015, PRFs apreenderam centenas de pacotes de fumo utilizados para cachimbo d’água, o popular Narguilé. Dois homens foram detidos. O fato ocorreu em Barra do Turvo.

Por volta das 10:00, PRFs em serviço na Unidade Operacional Inspetor Sousa, km 525 da Régis, em Barra do Turvo, durante operação de combate ao crime, abordaram um automóvel GM Cobalt de cor cinza e placas de Curitiba, ora conduzido por uma profissional autônomo de 34 anos que estava acompanhado por um administrador de empresas da mesma idade.

Ao vistoriarem o interior do veículo, os PRFs encontraram centenas de produtos destinados ao consumo de tabaco em cachimbos com filtros a base de água, os chamados Narguilé. Questionados, acabaram por admitir, motorista e passageiro, que adquiriram os produtos no Paraguai e que os comercializaria na cidade de São Paulo.

Após o registro do crime de Contrabando, a dupla foi liberada para responder criminalmente em liberdade. Foram apreendidos 747 pacotes e potes de tabaco aromatizado, 40 caixas de carvão e 19 aquecedores para cachimbo Narguilé e 03 Kits Narguilé completos, assim como o automóvel usado pela dupla. Todos os bens serão encaminhados à Alfândega de Santos.

Além da importação proibida, segundo o Instituto Nacional do Câncer, por utilizar mecanismos de filtragem, o consumo de Narguilé é visto como menos nocivo à saúde. Mas, na verdade, seu uso é mais prejudicial do que o de cigarros, já que uma sessão de narguilé dura em média de 20 a 80 minutos, o que corresponde à exposição a todos os componentes tóxicos presentes na fumaça de 100 cigarros.

Participaram desta operação PRFs da Delegacia PRF de Registro.