PRF – Comando de Saúde – Amanhã – dia 20/05

Aos que interessarem, amanhã, dia 20/05, na Unidade Operacional PRF de Cajati, km 498 da Régis, realizaremos mais um Comando de Saúde. O evento tem por objetivo avaliar as condições de saúde dos motoristas profissionais, através de vários exames e consulta com especialistas da área médica. Os resultados apurados são usados para propor melhorias nas condições de trabalho destes profissionais, aumentado sua qualidade de vida e a segurança nas rodovias.

Ações desenvolvidas em 2014

Duas ações foram desenvolvidas em 2014: na Rodovia Regis Bittencourt – Região de Itapecerica da Serra, no dia 29 de outubro, e na Rodovia Presidente Dutra – Região de Guaratinguetá, no dia 26 de novembro.

Além do Centro de Vigilância Sanitária, participaram dos eventos os CERESTs Regionais de Osasco e de Cruzeiro, Vigilâncias Epidemiológicas dos municípios de Osasco e Guaratinguetá e a FMUSP.

Foram realizados diversos testes em saúde, dentre eles:

* Verificação da Pressão Arterial

* Teste de Glicemia Capilar

* Índice de Massa Corpórea (IMC)

* Teste de Acuidade Auditiva

* Teste de Acuidade Visual

* Teste de Visão Estereoscópica

Resultados obtidos

Dos 361 motoristas examinados nos Comandos, 170 – ou 47,09% – estavam em jornada excessiva de trabalho.

A grande maioria (284 deles, ou 78,67%) estava acima do peso, 128 (35,46%) eram etilistas, 93 (25,76%) tinham alterações de visão estereoscópica – que é a responsável pela identificação da profundidade dos objetos no espaço (do que está perto ou longe, por exemplo), 84 (23,27%) tinham alterações de acuidade visual e 79 (21,88%) alterações de força manual direita e esquerda. Veja abaixo o perfil dos motoristas examinados nos dois eventos.

Além dos testes realizados, foram administradas vacinas: 113 doses de Dupla Adulto (DT, contra difteria e tétano), 172 doses contra sarampo, rubéola e caxumba (SCR) e 100 doses contra hepatite.

Exames Alterados

n

%

Acima do peso

284

78,67%

Etilistas

128

35,46%

Alterações de visão estereoscópica

93

25,76%

Alterações de acuidade visual

84

23,27%

Alterações de força manual direita e esquerda

79

21,88%

Tabagistas

67

18,56%

Alterações de campimetria

67

18,56%

Hipertensão arterial

59

16,34%

Frequência cardíaca alterada

53

14,68%

Alterações de reação ao ofuscamento

36

9,97%

Alterações de acuidade auditiva

32

8,86%

Saturação de O²

21

5,82%

Hiperglicemia

20

5,54%

Alterações de visão cromática

12

3,32%

Total

361

100,00%

fonte: CSR-SEST/SENAT-Polícia Rodoviária Federal, São Paulo, 2014