PRF encerra Operação 02 de Novembro


Entre os dias 01 e 05 de novembro de 2017, a Delegacia PRF de Registro, que responde pelo trecho da Régis entre os municípios de Juquiá e Barra do Turvo – do km 407 ao km 569, desencadeou mais uma Operação 02 de Novembro. Apesar dos esforços de fiscalização, uma pessoa faleceu num acidente de trânsito com motocicleta. Porém, não houve registros de roubos ou furtos a veículos e cargas no período.

TRÂNSITO

Durante o período da operação, uma morte foi registrada. Ao todo, foram registrados pelas Equipes da PRF 11 acidentes, com 06 feridos e 01 morte já citada.

O acidente com morte ocorreu no dia 05, por volta das 17:45. Na altura do km 436, município de Registro, o condutor da motocicleta Honda CB300R com placas de Registro/SP, um homem de 26 anos, acompanhado por outro homem ainda não identificado, após passar vários veículos, perdeu o controle da motocicleta, saiu da pista e capotou no canteiro central. O passageiro, que aparentemente estava com o capacete solto, já que ele foi projetado para longe, morreu no local. Já o condutor, este com capacete, foi socorrido com vida.

No período, houve um grande esforço de fiscalização. Foram 3.489 flagrantes por excesso de velocidade, todos com os radares da PRF, e 302 pessoas e veículos foram fiscalizados. Além disso, 92 pessoas passaram por palestras de educação para o trânsito e 132 por testes de alcoolemia com bafômetros (etilômetros). Ninguém foi reprovado nos testes.

Além das acima, outras ações de fiscalização foram desenvolvidas: a do uso de cinto de segurança e equipamentos de retenção para crianças e do uso das luzes baixas ou diurnas na rodovia. Em relação ao uso do cinto, nenhum flagrante foi registrado. Porém, em relação aos faróis, quase 100 foram registrados. O seu uso aumenta a segurança para todos os demais condutores e pedestres, já que permitem a visualização do veículo com mais facilidade.

COMBATE AO CRIME

Durante todo o período, o foco da PRF foi as ações preventivas de combate aos furtos e roubos de usuários, especialmente em trechos sinuosos com vastas comunidades lindeiras, locais mais propensos a tais ocorrências, devido aos congestionamentos decorrentes de acidentes de trânsito.

Operação Serra Segura

Para minimizar ações criminosas em trechos sinuosos e povoados, a PRF, com a Concessionária Autopista Régis, desencadeou a operação Serra Segura. Nesta ação, os veículos são retidos em locais mais seguros e com visão plena da pista contrária, ou seja, fora dos trechos em serra, facilitando o patrulhamento, o socorro de usuários que porventura estejam com problemas de saúde e, especialmente, inibindo ações criminosas organizadas.

No dia 03, por volta das 23:40, até às 02:00 do dia 04, devido ao alto fluxo de veículos e acidente no km 511 da Régis em Cajati, os veículos foram retidos na Unidade Operacional PRF Inspetor Sousa, km 525 da Régis, em Barra do Turvo. Após completa desinterdição do km 511, os veículos foram liberados aos poucos, evitando-se o acúmulo deles na Serra do Azeite, trecho entre o km 498 e km 520. Com isso, aliado às ações de patrulhamento no trecho, não foram registrados roubos ou furtos a usuários.


Participam desta operação PRFs da Delegacia de Registro.

COMENTÁRIOS VIA FACEBOOK

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *